Primeira formação continuada de 2020 no UNIVAR debate políticas públicas para a educação de jovens indígenas

Primeira formação continuada de 2020 no UNIVAR debate políticas públicas para a educação de jovens indígenas

Mesa redonda sobre Educação Inclusiva no Ensino Superior fortaleceu vínculos pedagógicos e promoveu parcerias em pról da Educação Intercultural indígena

 

Mensalmente, aos sábados, o Centro Universitário do Vale do Araguaia (UNIVAR) por intermédio da Pró-Reitoria Acadêmica Me. Gersileide Paulino e da Pró-Reitora de Pós-graduação, Pesquisa e Extensão (PROPEX) representada pela Me.Stephania Poleto promovem a Formação Continuada Docente com o objetivo de manter constante o processo de aperfeiçoamento dos saberes necessários à atividade dos educadores do ensino superior.

Durante o primeiro encontro do ano, neste último sábado (15), a pró-reitora Poleto mediou a Mesa Redonda entre os convidados e o público docente partilhando  também suas experiências enquanto precursora do Núcleo de Políticas Indígenas (NPI) Institucional. Além de exprimir suas vivências e experiências todos os convidados participantes da mesa redonda tiveram a oportunidade de apresentar pontos importantes sobre a Educação Indígena.

Os especialistas e formadores do CEFAPRO – Centro de Formação de Professores da Educação Básica, pólo de Barra do Garças/MT, representados pelo Coordenador Ernandes Araújo Nascimento e pela Historiadora Deijalsina Gonçalves da Silva explanaram sobre a implementação das políticas públicas para e educação indígena no Estado de Mato Grosso e os aspectos da educação intercultural no contexto da educação básica e de nível superior.

A docente da Universidade Federal de Mato Grosso, Campus Universitário do Vale do Araguaia (UFMT/CUA), Dra. Marly Augusta Lopes de Magalhães presente na composição da mesa, em sua fala defendeu a importância de ter professoras (es) qualificados para o acolhimento humanizado dos alunos indígenas por meio da exposição de projetos e publicações resultado de seu trabalho de mais de vinte anos nesta área temática.

A mesa redonda também contou com a participação de três convidados indígenas pertencentes a Reserva São Marcos: Xisto Tserenhi´ru Tserrenhimi´rãmi, membro do Conselho Estadual de Mato Grosso na Educação Escolar Indígena,  Valêncio Tserrenhi´Raiwe Tseredzawe líder representante da comunidade indígena dentro do Centro Universitário Univar e  Gedeão, filho do cacique Simão, aldeia Namunkurá, que expressaram seus apontamentos frente a educação inclusiva no contexto do ensino superior.

Na ocasião, o discente de enfermagem Valêncio, salientou a importância do conhecimento acadêmico, “ a única forma de mudança de vida é o estudo”.

Ao final do evento, alguns livros foram sorteados pela Dra Marly como um presente sobre a temática para os docentes do Univar a fim de contribuir com a formação pedagógica.

Segundo Poleto o evento foi um sucesso, porque alcançou o objetivo proposto e acrescenta: os professores gostaram porque disseram ter aprendido um pouco mais sobre a cultura indígena, uma oportunidade de repensar as aulas e os projetos de extensão e de pesquisa. O UNIVAR cresceu muito rápido nestes últimos anos e junto a este crescimento as políticas de responsabilidade social da instituição abriram as portas para o ingresso de uma grande quantidade de acadêmicos indígenas nos cursos de graduação. Deste modo, foi necessário criar um momento na Formação Continuada Docente para promover diálogos e reflexões sobre o acolhimento e acompanhamento pedagógico dos nossos acadêmicos indígenas promovendo integração intercultural por meio da Educação Superior.

A educação intercultural inicia-se com momentos como este porque os próprios indígenas, educadores especialistas em educação indígena, professores do ensino básico e superior se uniram para trabalharem juntos e criarem condições ainda melhores para favorecer os avanços pedagógicos frente a esta realidade institucional, ressalta Aguiar.

Ao longo do ano de 2020 o UNIVAR seguirá o calendário com Formação Continuada Docente com o intuito de manter atualizado e permanente o alto nível do conhecimento oferecido aos professores.

Deixe seu comentário

× Chamar no Whats!