Seja após a conclusão do ensino médio ou da graduação, o primeiro emprego é sempre o mais difícil de se alcançar. A falta de experiência na atividade escolhida, a falta de maturidade para lidar com as cobranças do mercado de trabalho e outros empecilhos levam os jovens a loucura quando o assunto é abordado.

A contratante na maioria dos casos reluta em empregar alguém que necessite de treinamento, visando gasto financeiro. Muitas empresas simplesmente não possuem capacidade estrutural para tornar o jovem hábil aos quesitos que ela mesma exige, o que de fato é um problema administrativo.

Essas adversidades somadas ao período econômico em que o país enfrenta, que teve por consequência a diminuição do quadro de funcionários de muitos estabelecimentos e a recessão de gastos, exige ainda mais do profissional de primeira viagem.

A qualificação profissional nunca foi tão importante e a tendência é só aumentar as exigências. Cargos que antigamente só vindicavam nível de escolaridade até o ensino médio, hoje necessitam de especialização e até mesmo graduação. A concorrência é acirrada e dura.

 

O primeiro emprego: Como conseguir?

Diante deste cenário, o jornalismo da Univar trouxe algumas dicas com para facilitar na conquista pelo primeiro emprego na área de graduação.

A princípio é muito importante que você durante o andamento do curso construa uma rede de contatos volumosa. A indicação profissional por um conhecido, ainda é um aliado poderoso na conquista de uma vaga e a faculdade é um ótimo lugar para construir essa rede.

Ser desinibido e mostrar interesse neste momento é crucial, não tenha vergonha de entrar em contato com profissionais que já estão atuando na área.

Segundo a Supervisora do departamento de Recursos Humanos da Univar, Eliane Carla, a confecção de um currículo contendo todos os cursos, palestras, oficinas e eventos já participados é extremamente importante. “Em uma entrevista mostre o interesse em continuar se especializando, a busca e a vontade por conhecimento são a chave para a contratação.” Completa Eliane.

Sua imagem neste momento é tudo. Certifique-se que a foto escolhida para a confecção de seu currículo represente um bom profissional. Em caso de dúvida utilize a mesma foto que está em seus documentos.

Muitas empresas antes de contratar inspecionam as redes sociais do candidato, verifique se o conteúdo que há em seus perfis é de fato a imagem que você deseja passar socialmente e mais uma vez tome cuidado com as fotos.

Trabalhos voluntários, freelances e estágios podem auxiliar na obtenção de experiências práticas. Aproveite as horas vagas durante os estudos e realize-os e não esqueça de mencioná-los em seu currículo.

Esperamos que estas dicas sejam úteis e ajude você a conquistar o seu primeiro emprego após a graduação. Lembre-se que ser diferente é muito importante, esteja sempre apto para receber novos conhecimentos.