Empoderamento feminino é tema de palestra para o curso de Odontologia no UNIVAR

Empoderamento feminino é tema de palestra para o curso de Odontologia no UNIVAR

Seguindo as festividades do Dia Internacional da Mulher comemorado em todo mundo no dia 8 de março, o Centro Universitário do Vale do Araguaia (UNIVAR) por meio do curso de Odontologia promoveu nesta segunda (09) durante toda a manhã um encontro entre calouros e veteranos com uma palestra sobre o empoderamento feminino.

Os docentes, Esp. Bruno Gomes, Me. Wanessa Franco, Me. Vanessa Souza e a coordenadora de curso Me. Natalina Chaud estiveram presentes no evento que entre outras questões discutiu sobre padrões de beleza e direitos importantes conquistados pelas mulheres.

Vale lembrar que as festividades do dia 8 de março estão ligadas diretamente à luta por direitos substanciais conquistados pelas mulheres. O direito ao voto, o direito a métodos contraceptivos, o direito de receber salários iguais são bandeiras importantes que subsidiam as comemorações e o momento de reflexão dessa data.

Segundo dados do Anuário Brasileiro de Segurança Pública (2020) a cada 13 minutos uma mulher é vítima de violência sexual no país. Isso demonstra o estado de vulnerabilidade em que o público feminino se encontra na nossa sociedade e também a necessidade de políticas públicas eficientes para o combate.

Palestras, mesas redondas e eventos sociais servem para demonstrar os dados alarmantes e fazer um convite a reflexão. Para a coordenadora Natalina Chaud essas discussões também são importantes porque proporciona um momento de repensar nossas atitudes e lembrar que nós mulheres temos força, sabedoria e delicadeza para fazer acontecer um mundo melhor.

Os temas propostos pelos palestrantes foram “Posso não ser a mulher maravilha, mas, posso ser uma mulher maravilhosa” e “Beleza em foco”, que incentivaram os acadêmicos a compreenderem que a autoestima e o empoderamento devem ser buscados para o enfrentamento das desigualdades, do preconceito e da violência de gênero.

A palestrante pedagoga Cléia França defende a permanência da luta em favor da igualdade de gênero e salienta a importância do empoderamento.

“Estas discussões têm que ser permanentes, são momentos que lembram que a mulher, com autoestima elevada e donas de si, podem modificar ou melhorar o ambiente onde vivem, ” salienta a pedagoga.

O evento foi um sucesso e contou com a presença massiva dos acadêmicos de odontologia.

Deixe seu comentário