WhatsApp Image 2021-09-13 at 09.30.33
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Por: Michele Faifer

Na sexta-feira, 10/09, a Pró-reitora acadêmica Gersileide Paulino e a Pró-reitora da PROPEX Tatiana Lima foram prestigiar na cidade de Araguaiana – MT, o lançamento do livro “O grande sertão – tempo, memória e linguagem”, do autor Wcleverson Batista Silva. O Prefeito e Secretário de Educação e Cultura de Araguaiana apoiaram o projeto do livro, uma vez que a obra irá contribuir de forma significativa no aprendizado do leitor.

A Pró-reitora acadêmica Gersileide Paulino destacou: “a leitura é fundamental principalmente quando se trata de educação. Ela estimula a criatividade, exercita a memória, melhora a escrita e contribui com o crescimento do vocabulário, além de ser essencial para o processo de aprendizagem. O livro O grande sertão – tempo, memória e linguagem, do Wcleverson Batista irá contribuir em vários aspectos na educação, foi gratificante poder participar do lançamento da obra dele ”.

Sobre o autor:

O autor do livro, Wcleverson Batista Silva é graduado em Filosofia (UCDB). Graduado em Pedagogia (UNIFRAN). Graduado em Sociologia (UNIASSELVI). Graduado em História (UNIASSELVI). Especialista em Ciências Políticas (FUNIP). Mestre em Letras/Literatura (UEMS Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul). Tem experiência nas áreas de Filosofia, Sociologia, História, Pedagogia e Literatura, com ênfase em Filosofia/Sociologia Política e da Educação. Assessor de Educação e Cultura.

Sinopse do livro:

Buscando um diálogo entre a literatura e a filosofia, o autor focaliza a relação entre tempo e memória, configurada na obra “O Grande Sertão”. Aqui, a experiência temporal humana é apresentada a todo tempo pela rememoração de Riobaldo, pelas suas agonias e incertezas.

A proposta é despertar no leitor, durante toda travessia e por meio da rememoração temporal, suas angustias e medos existenciais, pautados pelo desejo daquilo que nos falta. Somos, ao mesmo tempo, Riobaldo e Diadorim, isto é, o medo e coragem. Aquele que tem tudo, mas ao mesmo tempo nada possui; bem e mal.

A proposta é estudar e analisar o sertão que corresponde ao desvelamento da condição humana, observando-o como espaço existencial de construção da linguagem, na medida em que o narrar se revela como rememoração que busca o sentido do ser através da ontologia existencial. Riobaldo, ao narrar a travessia do rio São Francisco, passa a organizar melhor as lembranças em sua mente, como em um ritual iniciático à sua vida. Nós estamos sempre nos transformando, manifestando um vir- a – ser plenamente em nossa personalidade.

4 comentários em “Pró-reitoras do UNIVAR prestigiaram o lançamento do livro “O grande sertão – tempo, memória e linguagem””

  1. Com imensa felicidade que venho parabenizar o meu querido amigo Wcleverson Batista pela publicação do seu livro, “O Grande Sertão”, é uma riqueza para Araguaiana ter um escritor, filósofo e amante da leitura, da escrita da Arte, isso é Cultura.

    1. Agradecer a presença das Pró reitoras das instituições, UniCathedral e Univar, representantes ilustres da nossa Educação….

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *