As transformações no mundo da beleza

As inovações tecnológicas, organizacionais e de mercado têm provocado profundas mudanças no mundo da Estética. O mercado da beleza atualmente vive dias de crescimento acelerado e em função dessa realidade o Brasil transformou-se em um dos maiores consumidores de cosméticos do mundoimg1estetica

Essa é uma área voltada para o aumento significativo da expectativa de vida da população, evidenciando a busca incessante pela eterna juventude, a valorização da beleza, dos efeitos visuais, do bem estar, do conforto e da elevada autoestima, além de estimular a expansão da indústria de cosméticos. Todos esses pontos fazem parte de um conjunto de circunstâncias que contribuem para pesquisas inovadoras no segmento mercadológico da Estética e da Cosmetologia, tudo pensado para possibilitar uma melhor qualidade de vida para as pessoas.

A necessidade do referido curso em nossa região é notória, pois supre uma lacuna existente, uma vez que a maioria dos profissionais que atuam em nossa região necessita de formação científica e tecnológica, capaz de proporcionar segurança no manejo de produtos e na realização de procedimentos, ao mesmo tempo em que confere ao cliente maior confiança no serviço ao qual recorre. Nosso curso possibilita um perfeito equilíbrio entre o bem estar do corpo e da mente, os futuros esteticistas poderão atuar de forma competente nas clínicas de estética, hotéis, clínicas de dermatologia, de fisioterapia, salões de beleza, academias, em equipe multidisciplinar, assessoria e consultoria nas áreas da estética e imagem pessoal, sem contar a possibilidade de atuação nas franquias de embelezamento.

img2esteticaAssim, é fundamental a qualificação desses profissionais, no que se refere ao aperfeiçoamento prático e teórico das técnicas utilizadas, além de difundir uma visão coerente e crítica do mercado e
dos desafios profissionais que englobam nossa região. Isso faz dos vários segmentos ligados à Estética um mercado bastante promissor, o que provoca, a cada ano, o crescimento do número de profissionais que atuam nessa área, pessoas que vêm buscando desenvolver continuamente suas habilidades e competências, bem como acompanhar a evolução de tendências que determinarão as demandas profissionais no futuro, tornando a profissão uma das mais prósperas do mercado.

O curso é uma inovação da Instituição, tendo iniciado neste ano de 2014, coincidindo com o momento em que a UNIVAR faz 25 anos de existência. Nesse sentido, trata-se de um momento institucional privilegiado, quando a história da Faculdade toma um novo rumo, crescendo junto com a nossa cidade e região em motivação e oportunidades profissionais.

Coordenador(a) do Curso: Suiani Priscila Rower
Contato: esteticacosmetica@univar.edu.br

Identificação


IDENTIFICAÇÃO DO CURSO

Mantenedora ABEC – Associação Barragarcense de Educação e Cultura
Mantida Faculdades Unidas do Vale do Araguaia
Curso Tecnológo em Estética e Cosmética
Ato autorizativo Portaria nº 568, de 7 de Novembro de 2013, Diário Oficial da União, nº 218, publicado em 8 de Novembro de 2013.
Área de conhecimento Ambiente, Saúde e Segurança
Denominação do Curso Curso Superior de Tecnologia em Estética e Cosmética
Turno de funcionamento Noturno
Vagas 60 (sessenta) – Noturno
Regime de matrícula Anual
Carga-horária Total 2.426 horas e 2.912 horas-aula * para ingressantes em 2017
Prazo de integralização Mínima: 3 anos
Máxima: 5 anos
Coordenador do Curso Luciana M. Duarte Beretta

Objetivos


Formar profissionais para atuar nas diversas áreas da Estética e Cosmética, visando uma melhor qualidade de vida à sociedade, a partir de um domínio teórico dos conteúdos da área, bem como de uma visão coerente e crítica dos desafios profissionais e sociais da região, orientando o egresso para atuar como agente transformador entre a ciência, a sociedade e o mercado de trabalho, sempre respeitando os princípios éticos do exercício profissional.

Propiciar a definição e aplicação dos procedimentos estéticos favorecendo o bem-estar físico e mental; Fornecer uma visão ampla sobre planejamento, execução e gestão de serviços relacionados à Estética, Beleza e Saúde; Realizar programas de conscientização de doenças dérmicas características de regiões de intensa incidência solar; Formar profissionais para atuarem na área de Estética e Cosmética incluindo: Estética Corporal, Facial, Estética Pré e Pós-Cirúrgica, Maquiagem Profissional, Massagens Corporais, Terapia Capilar, Visagismo, Cosmetologia.

Atuação


O profissional, egresso do Curso Superior de Tecnologia em Estética e Cosmética das Faculdades Unidas do Vale do Araguaia poderá atuar em Clínicas de Estética, Centros de Estética; Salões de Beleza; SPAS; Academias; Domicílios; Indústrias Cosméticas; Consultorias Especializadas; Clubes; Hotéis; Instituições Públicas e Privadas; Docência e na Pesquisa.

Egresso


O profissional formado nesta instituição deverá ser capaz de:
Participar de permanente formação humanística, técnica e prática, indispensável à adequada compreensão interdisciplinar da área da saúde; ter conduta ética associada à responsabilidade social, civil e profissional; buscar constantemente formação global profissional, tanto técnico-científica quanto comportamental; realizar análise fundamentada das novas tendências na área da estética, beleza e saúde; dispor de habilidades para avaliar tecnologias e produtos cosméticos modernos; demonstrar experiência técnica em gestão e administração em clínicas de estéticas; possuir espírito empreendedor, de forma a atentar-se para novas oportunidades de negócio na área; planejar, organizar e realizar de procedimentos estéticos corporais e faciais, favorecendo o bem-estar dos clientes; ter competência para manejar eventuais problemas surgidos nos serviços prestados durante ou após os procedimentos; construir um espírito crítico e científico, estabelecendo os limites e respeitando as diversas formas de saber encontradas na comunidade acadêmica e nos diversos contextos em que irá atuar; atuar de forma responsável e ética na condução de seu trabalho, respeitando o sigilo das informações a qual lhe são confiadas, nos mais diferentes contextos, e nas relações com outros profissionais e o público em geral.


Infraestrutura


  • Laboratório Multidisciplinar
  • Laboratório de Química
  • Laboratório de Estética e Cosmética
  • Laboratório de Terapia Capilar e Maquiagem


Avaliação


O Sistema de Avaliação a ser adotada pelo Curso está de conformidade com as Diretrizes, Resoluções e Portarias dos órgãos superiores, bem como da IES.

No Curso Superior de Tecnologia em Estética e Cosmética, a avaliação de aprendizagem é entendida como parte integrante do processo de formação. O que se pretende avaliar não é apenas o conhecimento adquirido, mas a capacidade de acioná-lo em diferentes situações.

Os professores serão orientados, portanto, a compor a avaliação, partindo do modelo institucional, através dos mais diversos instrumentos como os a seguir citados:

  • elaboração de fichamentos, resumos, resenhas;
  • prova individual, subjetiva e discursiva (as provas objetivas devem sempre contemplar questões subjetivas que induzam o acadêmico a refletir e expressar-se sobre o conteúdo de maneira contextualizada que estimulem o acadêmico a pensar);
  • projetos de intervenção social;
  • artigos e paper’s sobre temas contemporâneos;
  • apresentação oral de trabalhos em grupo e individualmente;
  • organização de seminários, workshops etc;
  • intervenção participativa em sala de aula;
  • projetos interdisciplinares.

As metodologias de avaliação do Curso, de acordo com o padrão institucional, serão permanentemente discutidas pelos professores, o Colegiado de Curso e o NDE – Núcleo Docente Estruturante, visando a sua plena adequação aos objetivos do Curso e o perfil do egresso. Nesse sentido, buscar-se-á fortalecer a interdisciplinaridade e o senso crítico sobre a atuação social e a sociedade onde o egresso estará inserido.

No curso de Curso Superior de Tecnologia em Estética e Cosmética, a avaliação terá um processo contínuo, dialógico e reflexivo, envolvendo os momentos da relação ensino-aprendizagem: ensino, estágio, extensão e iniciação científica. Objetiva-se propiciar o aprimoramento da formação profissional e a construção de estratégias ao planejamento do trabalho do docente e da instituição, conferindo flexibilidade às metodologias de ensino e à produção do conhecimento.

Dessa forma, o sistema avaliativo tem como norte as disposições estabelecidas no Regimento das Faculdades relativa à avaliação de desempenho escolar do acadêmico. Segundo o artigo 71, inciso I, a avaliação do rendimento escolar, é realizada por disciplina, sendo que para aprovação, exige-se frequência mínima de 75% e nota final igual ou superior a 5 (cinco), no caso de realização de exame final.

O aproveitamento escolar será avaliado por meio de acompanhamento contínuo do acadêmico e dos resultados obtidos nas avaliações, nas atividades planejadas, projetos, seminários, relatórios e demais atividades programadas em cada disciplina e no exame final.

Haverá em cada ano letivo, obrigatoriamente, no mínimo, 4 (quatro) verificações de aproveitamento e 1 (um) exame final, sempre escrito. Nos casos das disciplinas que apresentam um carga-horária prática significativa, o peso das avaliações poderá ser alterado, sendo esta uma prática acordada entre o docente da disciplina e o Coordenador do Curso, que deverá compartilhar essa decisão com o NDE.

Para as avaliações estão previstos os seguintes parâmetros: provas bimestrais sem consulta e individual e/ou avaliações realizadas fora da Instituição de Ensino Superior, salvaguardando os casos de licença maternidade, doenças infectocontagiosas e quando não há condições de locomoção por parte do acadêmico. Portanto, as provas bimestrais serão individuais e sem consulta ao material trabalhado. Também foram determinados os seguintes critérios de avaliação:

  • Organização de ideias (raciocínio lógico);
  • Clareza de expressão;
  • Adequação ao tema proposto;
  • Correção gramatical e ortográfica;

Trabalhos elaborados de acordo com as regras da ABNT, que consiste da parte escrita e oral; e Provas Práticas¹.

______________________________________________________

¹ Neste quesito o professor terá a flexibilidade para distribuir a pontuação das notas. Esta poderá exceder aos 3,0 pontos, conforme critérios próprios estabelecidos pelo docente em conjunto com a Coordenação do Curso e o NDE.



Downloads



Livros On-Line



Periódicos


Notícias


Veja essa e mais notícias relacionadas a este curso